• Seu trabalho no Senhor não é vão!

    Postado em 16 de abril de 2012

    “Portanto, meus amados irmãos, sede firmes, inabaláveis, e sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que, no Senhor, o vosso trabalho não é vão.” (1Co 15.58)

     

    Quantos de nós já não chegamos ao fim de um dia de trabalho e ficamos tristes ou decepcionados conosco mesmo? Trabalhamos arduamente e no final não fomos recompensados de acordo com nosso empenho. Isso acontece com todas as pessoas, tanto no que diz respeito ao trabalho quanto à recompensa.

    Paulo está nos ensinando, nesse versículo, como trabalhar e para quem devemos nos empenhar ao máximo. Ele usa palavras fortes e objetivas para esse tipo de trabalho: firmes, inabaláveis e abundantes. Deus deseja que sejamos homens e mulheres com essas qualidades. Deus não quer ninguém “mole”.

    Deus espera que você seja firme em sua obra. Ser firme é conseguir superar as dificuldades que certamente aparecerão em seu caminho para servir ao Senhor. Você tem sido firme ou no primeiro obstáculo, você tem desistido? Firmeza é uma característica que todos precisamos ter para vencermos o diabo e seus ataques. Para que algo seja firme, ele precisa estar apoiado em algo mais firme ainda. Pense em um grande prédio. Para que ele permaneça firme, sem oscilações, ele precisa estar bem fundamentado, ou seja, seus alicerces precisam estar completamente firmados em algo sólido. Não foi isso que Jesus disse aos seus discípulos no final do sermão do monte? Construir sua casa sobre a rocha ou sobre a areia? Onde você tem fundamentado sua vida? Para que você seja firme, você precisa estar firmado em algo mais firme que você. “Esse” mais firme chama-se Jesus, a Rocha.

    Paulo também nos orienta para sermos inabaláveis quanto à obra do Senhor. Uma pessoa inabalável é uma pessoa que é constante naquilo que faz. Ela é estável. Eu gosto dessa palavra estável, ela traz segurança. Uma pessoa estável, é uma pessoa confiável, que não oscila de acordo com o vento. É uma pessoa que você pode confiar e se apoiar nela, que ela não lhe trará nenhuma surpresa desagradável. A palavra estável é muitas vezes usada para descrever o tempo: o tempo hoje está estável, ou seja, tranqüilo, sem variações. Assim nós devemos ser. Inabaláveis na obra do Senhor. Circunstâncias desfavoráveis aparecerão? Sem dúvida alguma que sim. Mas, se somos inabaláveis, nós permaneceremos na obra. Seremos mais fortes que essas circunstâncias, afinal de contas, Jesus é conosco, o Espírito Santo quem faz a obra através de nós, não é verdade?

    E por último Paulo nos fala para sermos sempre abundantes. Abundância fala de excesso, de além do que o necessário, de exceder, de superar apenas o esperado. Deus deseja que sejamos sempre assim. Que nosso trabalho para Ele sempre seja além do que Ele mesmo espera de nós. Você já pensou nisso: em surpreender a Deus com sua dedicação na obra dEle? Em arrancar de Deus uma expressão parecida com essa: Olha, dessa vez, ele se superou e me surpreendeu com essa atitude? Deus olhar para você e se alegrar com sua dedicação e seu empenho? Abundância fala de romper limites humanos e naturais. Deus deseja que você ultrapasse seus próprios limites e exceda em seu trabalho. Você entende o que eu quero dizer? Faça mais do que o necessário. Vá além daquilo que uma pessoa comum iria. Quando Deus diz: quem lhe pedir a túnica, dê-lhe também a capa, se te obrigar a andar uma milha, vá com ele duas. Faça mais, exceda, supere as expectativas de Deus.

    Deus fez isso por nós. Jesus quando esteve nessa terra, Ele foi firme, inabalável e abundante em Sua obra para morrer em nosso lugar. Ele, a despeito de toda a oposição, permaneceu firme em Seu propósito. Não Se abalou quando foi rejeitado pelo seu povo. E foi abundante em amor para com cada um de nós.

    O profeta Isaías fala que Ele olharia para nós e nos veria como o fruto do Seu penoso trabalho e ficaria satisfeito (53.11). Sua recompensa foi essa. E a sua qual é? Tem que ser a mesma de Jesus. A satisfação e a alegria de Jesus estavam ligadas ao cumprimento de Sua missão nessa terra: buscar e salvar o perdido. Você acha que vai ter essa mesma intensidade de alegria ou essa mesma satisfação que Jesus teve de alguma outra forma, que não seja trabalhando para Deus em favor daqueles que ainda não O conhecem?

    Hoje é dia de começar a trabalhar na obra do Senhor!

    Pr. Marcelo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>